ATIVIDADES EM DESTAQUE

Infraestrutura

Por meio de obras e ações realizadas diretamente ou por meio de convênios ― com municípios, órgãos estaduais e iniciativa privada, além de apoio técnico a órgãos como a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra) e o Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha), a Codemge zela pelo patrimônio do Estado e pelos mineiros e visitantes, que dele fazem uso.

Alguns exemplos recentes são a reforma e modernização do Minascentro e a requalificação e revitalização do prédio do antigo Bemge, na Praça 7, ambos no Centro de Belo Horizonte; a reforma do Parque das Águas e da caldeira do Balneário de Caxambu, e a recuperação do Cassino de Lambari; melhorias diversas na área do Barreiro, em Araxá; construção de salas de aula e laboratório no Instituto Federal do Norte de Minas (IFNMG), campus Araçuaí; e ainda obras nos distritos industriais de Montes Claros e Conselheiro Lafaiete.

Transporte

O Voe Minas Gerais, Projeto de Integração Regional Modal Aéreo, foi uma iniciativa do Governo do Estado, por meio da Codemge e da Secretaria de Estado de Transporte e Obras Públicas (Setop, atual Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade de Minas Gerais – Seinfra), para desenvolver o turismo e fomentar os negócios locais por meio da aviação regional. Lançado em 2016, o projeto oferecia viagens em aviões de pequeno porte, facilitando o deslocamento de moradores do interior a Belo Horizonte. À luz da realidade de crise financeira do Estado, em junho de 2019 o Voe Minas Gerais precisou ser descontinuado. O município de Teófilo Otoni chegou a permanecer recebendo voos por meio de operador privado, sem interrupção do serviço. Houve também tratativas com empresários e entidades da região de Caratinga e Manhuaçu para aplicação desse modelo nos municípios.

Sustentabilidade

Iniciativa do Governo do Estado de Minas Gerais, o projeto Plantando o Futuro contou com a coordenação e o apoio logístico e operacional da Codemge. O investimento de R$ 25 milhões resultou no plantio de 5,3 milhões de novas árvores e na recuperação de quase cinco mil árvores já existentes em 68 municípios mineiros.

A ação incentivou o reflorestamento em áreas degradadas, nascentes e matas ciliares, e a arborização urbana, contribuiu para preservar a natureza e promover bem-estar aos mineiros, evidenciando a política de gestão ambiental da Codemge, compatibilizando desenvolvimento econômico e conservação do meio ambiente.

Princípios que nortearam o Projeto Plantando o Futuro

Espécies plantadas no Projeto Plantando o Futuro

Guia para recuperação e preservação de nascentes

Características gerais de viveiros de produção de mudas

 

 



Voltar