ATIVIDADES

Terminal Rodoviário de BH passa a ter valor único para taxa de embarque

27 de junho de 2017

A partir de 1º/7, a taxa de embarque cobrada pelo Terminal Rodoviário Governador Israel Pinheiro (Tergip) terá valor único de R$3,70 (três reais e setenta centavos). A unificação do preço deve-se ao real significado dessa tarifa que é estipulada tendo por base a utilização da infraestrutura disponível no Tergip e não a distância entre Belo Horizonte e o destino final do passageiro, como vinha sendo praticado. Dessa forma, os recursos advindos da taxa de embarque são utilizados na manutenção e funcionamento onde está instalado o Terminal Rodoviário. O valor unificado encontra respaldo no art. 4º, XXVIII do Decreto nº 44.603/2007.

Na lógica de valoração por distância, as tarifas variam entre R$0,55 (curtas distâncias) até R$4,50 (para viagens interestaduais de qualquer distância). Atualmente, 21% dos passageiros se deslocam em trechos que vão de 40km a 80Km e de 80km a 100Km (curtas e médias distâncias). O maior número de passageiros (79%) paga os valores referentes às viagens acima de 100Km de extensão (R$3,50) e às viagens interestaduais (R$4,50). Esses valores, adotados por essa lógica, tiveram o último reajuste em dezembro de 2015. Caso fossem corrigidos hoje pelo IPCA acumulado de Janeiro de 2016 a Maio de 2017, o aumento seria de 7,795%. Dessa maneira, a maior parte dos passageiros (79%) vai se beneficiar com o valor único.

Valores cobrados na lógica de valoração por distância, caso houvesse reajuste pelo IPCA

Distância

Valor reajustado pelo IPCA

Percentual de passageiros

De 40 a 80 kms

R$0,59

13%

De 80 a 100 kms

R$2,69

8%

Acima de 100 kms

R$3,77

56%

Linhas Interestaduais

R$4,85

23%

 

Veja também o Relatório de Taxas de Embarques.

Estrutura do Tergip

Inaugurado em 1971, o Terminal Rodoviário Governador Israel Pinheiro (Tergip) é responsável pelo transporte de aproximadamente 10 milhões de passageiros por ano. Além de sua atividade principal, o embarque e desembarque de passageiros, o Tergip também oferece diversos serviços à população, como alimentação, bancos, correios e lotéricas. A estrutura, de mais de 45 mil m², movimenta média de 40 mil pessoas diariamente.

Desde 1º de março de 2016, o Tergip é gerido pelo Governo do Estado de Minas Gerais, por meio da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig), que, mediante convênio com o Departamento de Estradas e Rodagem (DER), passou a ser responsável pela administração das atividades e instalações do Terminal, visando a estimular o turismo no Estado. Comprometida com as diretrizes do Governo estadual em prol dos mineiros, a nova gestão tem trabalhado para oferecer segurança, conforto e bem-estar a seus usuários.

Nesse intuito, foram realizadas várias mudanças no local, entre elas a licitação para concessão de uso dos banheiros, a instalação de novos bebedouros, a revitalização do piso do mezanino e do hall de entrada, a substituição das longarinas (cadeiras), a revitalização da sinalização e dos espaços publicitários, a licitação para concessão de uso das lojas, entre outras melhorias.  

Em 1º de abril deste ano, o Terminal voltou a receber os embarques e desembarques até então realizados via Estação José Cândido da Silveira. Essa mudança foi pensada com intuito de gerar maior conforto e comodidade aos usuários, que passaram a contar com melhor estrutura, mais facilidade operacional por parte das empresas de transporte, acesso à região central e melhoria no atendimento àqueles que viajam longas distâncias, além da facilidade operacional por parte das empresas de transporte.